Usuário:

Senha:


Esqueci a Senha!    
Cadastrar-se    



8465421  visitas
Desde 15/10/1999
usuários on-line: 58

 

 Moradores de Casimiro de Abreu, RJ, denunciam abandono do cemitério municipal



Moradores de Casimiro de Abreu, no interior do Rio, estão preocupados com as condições do cemitério municipal da cidade. No local, é possível encontrar sepulturas quebrados, caixões expostos e lixo espalhado. Alguns túmulos são feitos de alvenaria e cobertos com placas fornecidas pela Prefeitura, mas, com o tempo e a falta de manutenção, acabam cedendo. Outra preocupação que traz insegurança aos moradores, é o abandono da área.

"Além de não ter segurança, muitos também usam drogas aqui. A gente sente muita insegurança, aqui não tem segurança nenhuma", disse a dona de casa, Vanessa Soares.

Um outro problema apontado pelas pessoas que moram próximo ao cemitério é a infestação de roedores.

"O que mais nos preocupa são os ratos, porque transmitem doenças. Quando chove, isso aqui fica tudo alagado, cria um rio. A gente fica receoso", relata a morada Deisiane da Silva Souza.

Durante uma visita da equipe de reportagem do RJ Inter TV 2ª Edição nesta segunda-feira (8), funcionários da Prefeitura de Casimiro de Abreu estiveram no cemitério para fazer obras de manutenção. Segundo a assessoria de imprensa, a fabricação das tampas dos túmulos demora, em média, 20 dias e por isso será preciso esperar pelo reparo.

Ainda em nota, a Prefeitura informou que a atual gestão já pegou o cemitério nessas condições e que fez uma vistoria para identificar o que precisa ser feito. Ainda segundo o município, 18 sepulturas foram restauradas e o cemitério é vigiado durante o dia por um funcionário e, à noite, por guardas municipais que fazem ronda no local.


Data de Publicação:  8/5/2017    Fonte: Por G1, Casimiro de Abreu


Envie este artigo para um amigo Imprimir este artigo Comentários








Voltar para a página anterior