Usuário:

Senha:


Esqueci a Senha!    
Cadastrar-se    



8601190  visitas
Desde 15/10/1999
usuários on-line: 67

 

   Estresse! Mantenha Distância.

         Você sabia que boa parte das faltas no trabalho e do baixo desempenho dos funcionários pode ser atribuído ao estresse? E que estresse é a resposta do organismo a um acúmulo de pressões internas e externas relacionados ao ritmo de vida desgastante, como excesso de trabalho e preocupações?

Os principais sintomas do estresse são:    

  • irritabilidade;
  • insônia;
  • dificuldade de concentração;
  • alteração do apetite;
  • falta de ar;
  • nervosismo;
  • melancolia ou tristeza sem razão aparente;
  • taquicardia;
  • ansiedade;
  • necessidade de beber álcool ou algum tipo de droga;
  • alergias, cefaléias, alterações digestivas.

      Pois é; o estresse também pode afetar a sua organização. É o caso por exemplo de empresas doentes tanto na área física (ambiental):

  • instalações sem ventilação,
  • iluminação insuficiente,
  • isolamento térmico e acústico inadequados,

 quanto na área organizacional (comportamental):

§         liderança inadequada,

§         cultura organizacional limitante,

§         dificuldade do trabalho em equipe,

§         gerencia inexistente em projetos,

§         falta de definição das responsabilidades e autoridade,

§         falta de regras claras com seus colaboradores.

Estes fatores com certeza contribuem para elevar o nível de estresse de todos que precisam passar pelo menos 8 horas dentro da organização. Você sabia que o estresse também é contagioso? Quando alguém não faz um bom trabalho devido ao estresse, aumenta a pressão sobre os colegas, superiores e subordinados. Em pouco tempo todos os funcionários da empresa  estarão estressados.

Tudo isso tem um custo que onera a organização de varias formas:

  • Troca excessiva e constante de pessoal gerando custos no recrutamento, seleção, treinamento e acompanhamento mais freqüente dos funcionários novos.
  • Falta de um padrão constante de alta qualidade, trazendo como conseqüência insatisfações, reclamações e principalmente perda de clientes.
  • Aumento dos custos de marketing e propaganda para suprir a imagem ruim gerada pelos clientes e funcionários descontentes.
  • Falta de credibilidade no mercado gerando inclusive dificuldades para conquistar colaboradores e parceiros.

        O estresse gerado na empresa por problemas ambientais normalmente é de fácil identificação e resolução desde que haja recursos disponíveis. Quanto ao comportamental, a identificação de causas é mais desafiante pois muitas vezes elas estão nas atitudes e  administração do alto escalão.

        No estresse individual muitas vezes é fácil perceber sinais  nas pessoas com quem você trabalha. Os mais comuns incluem acentuada piora na aparência pessoal, temperamento explosivo e variável, mudança nos hábitos alimentares e isolamento social.

        Na empresa os sintomas são similares pois ambientes mal planejados, sujos, mudanças de regras e procedimentos constantes  sem uma análise criteriosa, surpresas por falta de informações, fofocas, queda no número de pedidos e clientes, aumento do número de reclamações etc.

            Reconhecer e reduzir os causadores do estresse é uma responsabilidade tanto da pessoa quanto da empresa.

Dicas para a redução do estresse na empresa:

§         Desenvolva os seus lideres;

§         Melhore a qualidade de vida no escritório;

§         Trate seus funcionários com dignidade e respeito;

§         Aumente aos poucos o número e a complexidade das tarefas que você delega a cada dia;

§         Questione se é estressante aos outros conviver com você;

§          Estabeleça uma duração máxima de uma hora para as reuniões onde apenas um assunto é discutido;

§          Reuniões que exigem mais tempo, faça intervalos a cada uma hora.

§         Crie uma caixa de sugestões para obter idéias anti estresse;

Quanto ao estresse individual, sugerimos:

§                    Mantenha sua mesa sempre em ordem.

§                    Quando aceitar uma tarefa, termine-a.

§                    Não tenha medo de dizer “Preciso de ajuda”.

§                    Aprenda a escutar o que o seu corpo tem a lhe dizer.

§                    Pratique o esporte de sua preferência.

§                    Tome café da manhã como rei, almoce como príncipe e jante como mendigo.

§                    Planeje seu fim de semana.

§                    Reserve um tempo só para você.

§                    Respeite as opiniões alheias, não tente estar sempre com razão.

§                    Faça dos seus problemas novas oportunidades de crescimento.

  Lembre-se:

O estresse é contagiante e pode afetar o seu relacionamento com a sua  família e seus amigos portanto ao identificá-lo procure ajuda imediatamente.  

 

 

Super Visão

E-mail: sp_visao@bestway.com.br

 

Na próxima semana fique atento que o assunto é:

A sua empresa investe na Satisfação do Cliente?

 

 

 






Envie este artigo para um amigo Imprimir este artigo Comentários







Voltar para a página anterior